Violador de Telheiras em prisão preventiva

O alegado “Violador de Telheiras” vai ficar em prisão preventiva por ordem do Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa.

O detido, de 30 anos, engenheiro numa empresa de telecomunicações e residente na zona de Queluz, é suspeito de dezenas de abusos sexuais e violações, sobretudo de menores.

Divulgação de retrato robot levou a pistas que encurtaram lista de suspeitos. Tudo leva a crer que os testes de ADN realizados e as impressões digitais, confirma que foi apanhado o homem certo.

No momento da detenção, o engenheiro tentou agredir os inspectores e fugir às autoridades, Factos que podem ter levado o juiz a decidir pela prisão preventiva, sendo que, o perigo de continuidade da actividade criminosa deverá também ter pesado, uma vez que o arguido passava longos períodos sem atacar, mas voltava sempre a violar menores.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: